Fundada em 8 de Março de 1984, a Associação Cultural e Recreativa de S. Paulo de Frades, surge no sentido de proporcionar à população local, com características essencialmente rurais um espaço de convívio, sem que para tal fossem necessárias deslocações a locais distantes da Freguesia.

As atividades da ACRSPF nos seus primórdios tinham essencialmente um cariz desportivo nomeadamente, Atletismo, Futebol de Salão e um cariz Recreativo com a realização de bailes e peças de teatro.

Atentos às necessidades da população local e à inexistência na Freguesia de respostas sociais, nomeadamente para a Infância e Idosos. Um grupo de pessoas da comunidade reuniu esforços no sentido de constituir uma Instituição Particular de Solidariedade Social, a qual foi criada em 1 de Abril de 2003, sob a inscrição nº 69/2004, fls. 77 e77 Vº., Livro nº 10 das Associações de Solidariedade Social, após o seu reconhecimento como IPSS a sua denominação alterou-se para “Associação Social Cultural e Recreativa de S. Paulo de Frades assim como os seus estatutos.

A Associação Social, Cultural e Recreativa de S. Paulo de Frades, têm por objeto promover social, educacional, cultural e recreativamente, bem como ao nível da saúde e do desporto, a comunidade da União das Freguesias de Eiras e S. Paulo de Frades, dirigindo a sua ação à população mais desfavorecida;

  • Criar ou adaptar equipamentos para o apoio à família, comunidade em geral, infância, juventude e terceira idade, através da criação de gabinetes de atendimento à comunidade, creche, jardim-de-infância, atividades de tempos livres, centro de dia, lar de idosos, apoio domiciliário, centro comunitário e unidade de cuidados continuados;
  • Promover e criar contextos para a implementação de respostas direcionadas para a formação, certificação e intervenção educativa, aberta à comunidade em geral;
  • Promover e criar diferentes atividades ligadas à cultura, recreio e animação;
  • Promover e criar respostas direcionadas para a prestação de cuidados de saúde, primária, secundária e terciária;
  • Criar seções para a dinamização de diferentes modalidades desportivas.

No entanto, a mudança nesta Associação, surge em 2005, no sentido em que esta passa a assumir para além da vertente cultural e recreativa um papel fulcral no âmbito do social, sendo que em 1 de Abril de 2005 a ASCRSPF celebra com o Instituto de Segurança Social, I.P, Centro Distrital de Coimbra um acordo de cooperação para a resposta social  de A.T.L.

No entanto, a Associação São Paulo de Frades pretendia alargar a sua dinâmica de intervenção, designadamente à 1ª Infância e a população Idosa tendo por isso apresentado candidatura ao Programa de Apoio Integrado aos Idosos (PAII), em 2005 e, ao Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES) em Maio de 2006.  O Projeto PAII foi aprovado, e funcionou de Maio de 2009-Maio de 2011

No seguimento da aprovação do projeto PARES implementou-se em Janeiro de 2011, o funcionamento das respostas sociais: Creche, 30 utentes; Centro de Dia, 20 utentes; e Serviço de Apoio Domiciliário, 30 utentes.

Em Março de 2014 a  ASCRSPF  aderiu à Comissão Social da União de Freguesias de Eiras e S. Paulo de Frades, que têm como objetivo promover estratégias de intervenção para uma maior eficácia na erradicação da pobreza e da exclusão social na União das Freguesias de Eiras e S. Paulo de Frades.